sexta-feira, 24 de abril de 2009

Vamos começar a viver menos?

Decorreu esta semana no Algarve o XXX Congresso Português de Cardiologia...

Apesar de infelizmente não ter conseguido estar presente, fui acompanhando o que se foi debatendo...

No entanto, antes do congresso já muitos números um pouco desastrosos estavam cá fora...
30% das mortes em Portugal devem-se a este tipo de problemas...
42% da população tem hipertensão (estamos no nº 1 do top...para variar).
29% da população portuguesa tem Síndrome Metabólica
por ai fora...
Parece que mesmo neste aspecto temos que ser sempre os MAIORES e nunca os MELHORES!


Pior do que tudo...Começa-se a prever um decréscimo da esperança média de vida!!!

Se anteriormente o grande problema era o tabagismo, hoje em dia cada vez se põe mais a questão do excesso de peso e obesidade, relacionados com uma péssima alimentação, sempre associada a uma ausência de exercício físico, já para não falar de desporto!

Ao ler uma das entrevista feita a um dos organizadores deste congresso, este dizia que o governo tem que investir mais em ginásios (já não foi uma das medidas do passado ano?? o preço do meu manteve-se!), controlar de alguma forma a nossa alimentação (há quanto tempo não está na assembleia o projecto para diminuição de sal no pão?), incentivar a prática de exercício físico (aqui então há muito a fazer!)

4 comentários:

Paulo Gonçalves Marcos disse...

Excesso de sal, maus hábitos alimentares em geral, vida muito sedentária...

Inês Gil Forte disse...

Ora ai está!
Grande poder de síntese!
Muito sal, muita gordura saturada e hidrogenada, pouca fruta e legumes!
Tudo em excesso...pouca moderação!

Paulo Gonçalves Marcos disse...

Estimada Dra.

Deixo-lhe o link de um site que tem dado brado nos Eua.

http://www.realage.com/ct/tips/8613

Inês Gil Forte disse...

Paulo:

Gostei!
Entrando na onda do Anti-aging, com várias ideias e até regras importantes!
Já está nos favoritos.